ANIMES

AS REGRAS DO DEATH NOTE

O humano que tiver seu nome escrito no Death Note morrerá. Esta é a primeira é mais importante regra do Death Note. Para que alguém morra através do caderno, o seu verdadeiro nome deve ser escrito numa das suas folhas. A escrita do nome não terá efeito se o escritor não tiver em mente o rosto da vítima.

por Mauricio

Publicado em 18/06/2021

O humano que tiver seu nome escrito no Death Note morrerá.

Esta é a primeira é mais importante regra do Death Note. Para que alguém morra através do caderno, o seu verdadeiro nome deve ser escrito numa das suas folhas.

A escrita do nome não terá efeito se o escritor não tiver em mente o rosto da vítima. 

Desta forma, pessoas que compartilham o mesmo nome não serão afetadas. Ou seja, não basta apenas saber o nome da pessoa que deseja matar, mas também precisa conhecer o seu rosto e pensar nele enquanto estiver escrevendo no caderno.

Se a causa da morte não for especificada dentro dos 40 segundos, a pessoa morrerá devido uma parada cardíaca.

A partir do momento que o portador do Death Note realiza o “ritual” de escrever e pensar na pessoa que deseja matar, deve dentro dos 40 segundos seguintes explicar os detalhes da sua morte (como o modo, hora, local, etc). Se não o fizer, a parada cardíaca será o motivo da morte ao final dos 40 segundos.

Após a causa, os detalhes da morte devem ser fornecidos nos próximos 6 minutos e 40 segundos.

Após especificar a causa da morte, o portador do caderno tem 6 minutos e 40 segundos para detalhar todo o cenário que causará a morte. 

Qualquer tipo de mudança sobre os detalhes da morte também deverá ser feita dentro deste limite de tempo. Para isso, basta riscar o que já foi escrito com duas linhas retas e definir uma nova causa.

No entanto, mesmo alterando a causa e hora da morte, esta nunca poderá ser evitada a partir do momento que o nome da vítima estiver escrito no caderno.

Após este caderno tocar no solo, ele passa a ser de propriedade do mundo humano.

Ou seja, um humano não pode “tomar” um Death Note que não tenha mantido contato com o seu mundo. 
A primeira pessoa que tocar no Death Note logo após este chegar ao mundo dos humanos, será automaticamente o seu novo proprietário.

O proprietário do caderno poderá ver e ouvir o shinigami dono original do caderno.

Cada Death Note é associado a um Deus da Morte específico. Assim, caso um humano se torne dono de um Caderno, este deverá ser capaz de se comunicar com o shinigami que anteriormente possuia o artefato.

O humano que utilizar o caderno não poderá ir para o Céu nem para o Inferno.

O destino das pessoas que usam o Death Note é o MU (o Vazio).

Mesmo não sendo o proprietário do caderno, qualquer humano que o toque poderá ver e ouvir o shinigami que segue o humano atual proprietário do caderno.

Um exemplo disso foi quando alguns membros da Força-Tarefa Japonesa e o próprio L tocaram no Death Note que estava sob a posse de Kyosuke Higuchi, conhecido como Yotsuba Kira ou Terceiro Kira. 

A partir daquele momento foram capazes de ver e ouvir a shinigami Rem, a deusa da morte que estava acompanhando o atual proprietário do caderno na época. 

A pessoa em posse do caderno será seguida por um shinigami até morrer. Esse shinigami deve escrever o nome da pessoa em seu próprio caderno (caso tenha mais de um) na hora de sua morte.

Light passou a ser seguido constantemente por Ryuk, o responsável por deixar cair na Terra o Death Note que o jovem passou a usar.

Se um humano utilizar o caderno, o shinigami deverá se apresentar ao humano dentro de um período de 39 dias após o primeiro uso.

Ryuk se revelou para Light em apenas cinco dias. Mesmo sem ter a obrigação de revelar para o humano como usar o Death Note, o shinigami explicou para Raito algumas regras e as razões para ter deixado cair o caderno no mundo dos humanos (estava entediado).

Um shinigami pode estender sua expectativa de vida usando o caderno, mas humanos não podem fazê-lo.

Aliás, este é o principal propósito dos shinigami usarem o Death Note. Foi revelado por Ryuk que muitos deuses da morte chegaram a morrer por terem preguiça de escrever em seus cadernos. Para que permaneçam vivos, os shinigami precisam usar o Caderno da Morte.

Um shinigami não pode ser morto, mesmo esfaqueado no coração com uma faca ou tiro na cabeça com uma arma.

Quando Sidoh apareceu para a gangue do Mello foi recebido com uma chuva de balas, mas todas atravessaram o corpo do shinigami totalmente. 

No entanto, nem mesmo os deuses da morte são imortais. Foi revelado ao longo da série algumas formas que levam os shinigami à morte.

O humano com posse do Death Note pode obter os Olhos de Shinigami, e com esse poder o humano poderá ver nomes e expectativas de vida de outros humanos apenas os observando. 

Sem dúvida que os Olhos de Shinigami é um poder bastante útil para quem está sob a posse do Death Note e deseja usá-lo com mais liberdade. No entanto, para tudo há um preço…

Para que o acordo dos Olhos seja feito, o humano proprietário do Caderno deve sacrificar metade da sua expectativa de vida, oferecendo-a ao shinigami.

A causa da morte deve ser fisicamente possível em todos os sentidos. 

Por exemplo, escrever que determinada pessoa morrerá atropelada por um ônibus NA LUA dentro das próximas duas horas. Obviamente que seria impossível isso acontecer, muito menos em tão pouco tempo. 

Quando há inconsistências na causa da morte especificada, então a vítima simplesmente morrerá de ataque cardíaco.

Uma página extraída do Death Note, ou mesmo um fragmento da página, mantém todas as funcionalidades do caderno.

Kira fez isso diversas vezes. Arrancou folhas do caderno ou mesmo pequenos pedaços para carregar consigo de modo mais discreto. 

Light chegou a criar um mecanismo em seu relógio onde escondia um pequeno pedaço de papel do Death Note e uma agulha. Este último objeto servia para furar o seu dedo e usar o próprio sangue como tinta para escrever na folha, em casos de extrema emergência.

A causa e os detalhes da morte podem ser escritos antes do nome. O proprietário tem 19 dias (conforme o calendário humano) para colocar o nome em frente à causa descrita.

Se pôr um nome após este período, a vítima morrerá de ataque cardíaco. A causa anteriormente especificada será anulada.

Mesmo não tendo a posse, qualquer humano pode escrever no caderno e causar o mesmo efeito

Kira explorou essa regra muitas vezes ao longo da série. Por exemplo, mesmo ainda sendo o dono do Caderno, Light o emprestou para Kiyomi Takada, sua ex-namorada. Takada era jornalista e, com a ajuda de Teru Mikami, o X-Kira, tornou-se a porta-voz do serial killer na mídia. 

O Death Note não surte efeito com aqueles com menos de 780 dias de idade.

Não adianta tentar matar crianças com menos 2 anos de vida, pois o Death Note não surte efeito.

Falando em crianças, o Caderno da Morte também não deve ser entregue por um shinigami a pessoas com menos de 6 anos de idade. A exceção ocorre se a criança encontrar o Death Note, quando este é lançado no mundo dos humanos.

A vítima ficará imune aos efeitos do caderno se seu nome for escrito incorretamente quatro vezes de forma não intencional.

Mesmo que escreva corretamente na quinta vez, a vítima já não sofrerá com o destino do Death Note.

Se o escritor errar o nome de sua vitima quatro vezes intencionalmente, ele morrerá e a vítima continuara vulnerável ao caderno.

No caso de uma pessoa que tenha desistido da posse de seu Death Note, entrar em contato físico com outro caderno terá suas memórias de volta enquanto manter contato físico com o caderno.

Isso aconteceu quando Light tocou no Caderno que estava na posse do Yotsuba Kira, quando este foi capturado pela Força-Tarefa. Mas, se ele largasse o Death Note, voltaria a perder as memórias relacionadas com o Caderno. 

Se suicidar é uma forma possível de morte. A princípio, qualquer humano pode pensar em cometer suicídio. 

Esta é uma causa de morte bastante usada por Kira para confundir a polícia, além de interromper o padrão de mortes por ataques cardíacos. 

No entanto, caso a especificação do suicídio leve à morte de outras pessoas, a vítima morrerá de ataque cardíaco. Deste modo, o Death Note assegura que outras vidas não sejam influenciadas. 

Se o caderno for perdido ou roubado, o dono original perderá sua posse se não recuperá-lo em 490 dias.

Lembrando que o dono do Caderno apenas perderá a posse do mesmo se RENUNCIAR ao “cargo”. Se por acaso perder o Death Note e outra pessoa encontrá-lo, sem que haja a renúncia, o proprietário tem 490 dias para voltar a estar com o Caderno em mãos. 

Só podem existir 6 Death Notes simultaneamente no mundo humano.

Neste caso, se um sétimo Death Note existir no mundo dos humanos, este será um simples caderno comum. O caderno extra apenas começará a surtir efeito caso um dos outros 6 seja destruído. 

O caderno pode ser emprestado ou alugado, sem haver a troca de posse.

Light fez isso diversas vezes (com Misa Amane e Teru Mikami, por exemplo), principalmente para tentar ilibar o seu nome e afastar as suspeitas de L.

O humano com o caderno emprestado não será seguido pelo shinigami. Além disto, o humano com o caderno emprestado não poderá realizar a troca pelos Olhos de Shinigami. 

Teru Mikami somente conseguiu fazer a troca de Olhos de Shinigami quando teve a propriedade do Caderno. Ninguém que tivesse apenas com o Death Note emprestado poderia ter tal poder. 

Quando o proprietário do Death Note morre enquanto o caderno está sendo emprestado, sua posse será transferida para a pessoa que está segurando-o naquele momento.

Se o shinigami decide usar o Death Note para matar o assassino de um indivíduo que ele favorece, a vida do indivíduo será estendida, mas o shinigami irá morrer.

Falamos mais acima sobre “técnicas” de matar um shinigami, lembra? Rem contou para Light sobre como o shinigami Gelus morreu após salvar a vida de Misa Amane. Assim, ficou claro que os shinigami não podiam salvar os humanos, mas sim matá-los. Caso contrário, como foi visto, deveriam ser punidos com a morte!

Se o nome de uma mesma pessoa for escrito em dois ou mais Death Notes, a prioridade será dada àquele que foi escrito primeiro, independentemente do horário estipulado para a sua morte.

Se o nome de uma mesma pessoa for escrito em dois ou mais Death Notes, com uma diferença de até 0,06 segundos, essas descrições serão consideradas simultâneas, invalidando ambas. Assim, a pessoa que teve seu nome escrito no caderno não morrerá.  

As duas regras acima regem a propriedade e validade sobre a responsabilidade das mortes provocadas pelo Death Note.

Uma causa de morte só pode se estender em um período de até 23 dias.

Ou seja, o dono do Death Note tem apenas esse período de tempo para “manipular” a vida da pessoa que vai morrer.

A partir do momento que um nome é escrito no caderno, todos os eventos que levarão a sua morte deverão acontecer no prazo de 23 dias. 

Uma causa de morte só pode ocupar, no máximo uma página do caderno. 

Mas isso não quer dizer que nome e sobrenome precisem estar seguidos. O dono do Caderno pode, por exemplo, pôr o nome de uma pessoa na frente da página e o seu sobrenome no verso.

Uma pessoa com os Olhos do Shinigami não pode ver a expectativa de vida de outros possuidores incluindo ele mesmo.

Também não podem ver o nome e a expectativa de vida de outros proprietários do Death Note. Desta forma, Misa Amane foi capaz de descobrir, em meio a multidão, quem era o verdadeiro Kira, ou seja, Light Yagami.

O shinigami não deve dizer a seres humanos os nomes ou expectativa de vida de pessoas que ele vê. Isso é para evitar confusão no mundo humano.

Ryuk e Rem, os dois shinigami que tiveram maior relevância na série, nunca chegaram a quebrar esta regra.

Uma vez que o nome da vítima, a causa da morte e a situação da morte ter sido escrito no Death Note, esta morte ainda ocorrerá mesmo que o Death Note ou a parte da nota em que ele foi escrito seja destruída.

Caso o caderno tenha sido destruído e apenas o nome da vítima foi escrito, esta morrerá em 40 segundos de ataque cardíaco. No entanto, caso o dono do Caderno tenha começado a especificar as causas da morte quando o Death Note for destruído, então a vítima apenas morrerá dentro de 6 minutos e 40 segundos. 

Em Alta

content

Coreia do Sul lança primeiro Foguete

Coreia do Sul lança primeiro Foguete espacial devolvido com a própria tecnologia. Nesta terça (21) a Coreia conseguiu lançar seu foguete.

Continue lendo
content

Red Dead Redemption 2 Vende 43 milhões de cópias

Como esperado por muitos, Red Dead Redemption 2 vende 43 milhões de cópias, ou seja, mais um grande sucesso da gigante Take-Two.

Continue lendo
content

17 Curiosidades sobre Cavaleiros do Zodíaco

Pode ser difícil de assimilar, mas Masami Kuramada disse que não gosta de anime. Mas, felizmente, ele concordou em adaptar o mangá para anime graças a santa tradição de fazer um anime de praticamente todos os mangás, principalmente os grandes sucessos.

Continue lendo

Você também pode gostar

content

Prime Video zoa com Netflix por aumento de preço

A plataforma de streaming da Amazon, o Prime Video, está zombando da concorrente Netflix, após o serviço anunciar um aumento de preço em todos os seu planos de assinaturas nesta quinta-feira (22).

Continue lendo
content

Confira os Indicados Ao Oscar 2022

Confira os Indicados ao Oscar 2022. A Academia revelou no dia 8 de fevereiro, a lista completa dos indicados ao prêmio da Academia. 

Continue lendo
content

Canal Metaforando

O canal do youtube Metaforando é o maior canal de linguagem corporal do Brasil. Com mais de um milhão de inscritos, Vitor Santos, que é perito em Codificação Facial pelo sistema FACS, analisa a linguagem corporal de vídeos famosos.

Continue lendo